• hodlthebook

Cripto Glossário

Gostava de compreender os nomes, termos e expressões que mais parecem saídos de um filme de geeks? Confira a lista dos termos e expressões mais utilizados no mundo das criptomoedas.



Quando se começa a entrar no mundo das criptomoedas existem muitos termos e expressões que não são fáceis de perceber. Parecem aquelas piadas inventadas que apenas alguns elementos de um grupo de amigos percebem logo à primeira mas deixam os outros todos sem reação porque não perceberam. Infelizmente, pode tornar-se frustrante e desencorajar o seu próximo passo na enorme curva de aprendizagem que existe quando se aventura numa pesquisa aprofundada sobre a melhor plataforma para adquirir criptomoedas ou quando quer saber todos os detalhes acerca de um novo projeto. Se está num ponto em que não sabe como perceber algumas coisas, tenho uma boa notícia para si: existe uma lista que lhe vai facilitar a vida!


Decidi criar um pequeno glossário para o(a) ajudar. É uma lista alfabética de termos e expressões onde se percebe o significado e a descrição desses mesmos termos e expressões. Tradicionalmente, um glossário aparece no final de um livro e este glossário está presente no meu livro HODL! Descubra aquela palavra que não sabe o que significa e expanda os seus horizontes.



"Parecem aquelas piadas inventadas que apenas alguns elementos de um grupo de amigos percebem logo à primeira mas deixam os outros todos sem reação porque não perceberam."

GLOSSÁRIO


HODL: Hold On for Dear Life

Hold On for Dear Life foi a frase que resultou na sigla HODL e representa a ideia de guardar e acumular para o futuro. Ser um investidor a longo prazo é acreditar no potencial tecnológico e na visão, missão ou ideia. Esta sigla surgiu em 2013 e derivou de um membro num fórum de discussão sobre Bitcoin chamado GameKyuubi. Aparentemente bêbedo, referindo-se ao facto de não vender as suas criptomoedas por nada deste mundo, por acreditar na sua essência e valorização, após uma queda recente do mercado, acabou por escrever no título do seu post HODL em vez de HOLD, que significaria aguardar. No entanto, o termo foi alvo de piada numa primeira instância para acabou por ser cada vez mais utilizado dentro da comunidade e representa aqueles que acreditam no potencial de uma criptomoeda e querem guardá-la para o futuro para a poderem rentabilizar apenas num futuro mais distante. É muito comum utilizar o termo HODL e apesar de estar gramaticalmente errado, funciona bastante bem e o seu significado é reconhecido. #hodl


Altcoins

Todas as outras criptomoedas alternativas ao Bitcoin. As altcoins podem ser criptomoedas ou tokens. #altcoins


AML

Anti Money Laundry. É um sistema contra a “lavagem de dinheiro” bastante utilizado por diversas empresas e entidades como as exchanges, no sentido de adicionarem segurança à sua plataforma, utilizando sistemas de confirmação de identidade de utilizador ou titularidade de conta. #aml


Blockchain

Corrente de blocos e rede informática onde são efetuadas todas as transações de diferentes criptomoedas. As diversas blockchains podem ser públicas ou privadas. #blockchain


ATH

All Time High. Refere-se ao preço mais elevado jamais atingido por uma criptomoeda. Muitas vezes, referido também para indicar um momento temporal em que isso aconteceu. #ath


Bag holder

É um tipo de investidor que guarda e acumula uma determinada criptomoeda sem nunca vender e podendo eventualmente perder a oportunidade de obter lucro e ganhar dinheiro. #bagholder


Bear (market)

Mercado urso. Refere-se a uma tendência de mercado negativa onde se assiste continuamente a uma queda de preços. Bastante associado a crises financeiras ou correções de longa duração. #bearmarket


Bull (market)

Mercado touro. Refere-se a uma tendência de mercado positiva onde se assiste continuamente a um aumento de preços, muitas vezes de forma abrupta. Bastante associado ao receio dos investidores perderem uma oportunidade e à entrada de volume de capital no mercado. #bullmarket


Exchange

Representa o mesmo que uma casa de câmbio. É frequentemente confundido com uma corretora. No entanto, uma exchange é apenas uma forma de trocar criptomoedas entre si e não apresentam outros ativos ou produtos financeiros, como ações, opções ou CFD’s e ETF’s, mais associados a instrumentos de trading. Uma exchange permite trocar moeda fiduciária por criptomoedas (e.g. Coinbase ou Kraken) ou trocar criptomoedas por outras criptomoedas (e.g. Binance). #exchange


Fiat (currency)

Moeda fiduciária ou estatal. Representam a maioria das moedas de cada país ou bancos centrais, como o euro (€) ou o dólar americano ($), entre muitas outras. #fiat


FOMO

Fear Of Missing Out. Medo de ficar de fora e perder a oportunidade de entrar num determinado mercado ou conseguir adquirir uma criptomoeda. É um comportamento bastante observado nos momentos em que saem notícias positivas sobre uma criptomoeda e normalmente antecede cada bull market. #fomo


Fork

Separação de uma criptomoeda em duas partes devido a visões diferentes relativamente ao futuro do projeto por parte das equipas de desenvolvimento. Um exemplo prático é o caso da Bitcoin (BTC) e do Bitcoin Cash (BCH) que ocorreu em 2017 em que o BCH passou a ser representativo de um tamanho de bloco superior: 8 MB. Porém, a Bitcoin origial mantém-se como BTC. #fork


FUD

Fear, Uncertain and Doubt. Um termo bastante utilizado para fazer referência a pessoas, notícias ou discursos que promovam medo, incerteza e dúvida referente a um projeto, muitas vezes com o objectivo de fazer baixar o preço, para depois poder comprar mais barato ou porque existem dúvidas relativamente a algum ponto proposto e acaba por ter uma reacção negativa por parte da comunidade. #fud


KYC

É a sigla utilizada pelas entidades para referir uma prática referente à reunião de irnformação acerca do seu cliente: know your costumer. Destina-se ao armazenamento de dados dos clientes de forma a conseguir garantir a segurança de cada conta e controlar cada processo. #kyc


Mining

É o nome dado ao processo de mineração de uma criptomoeda. Necessita de hardware específico, podendo ser realizado fisicamente ou rentabilizado através de serviços em cloud: cloud mining. Normalmente efectuado por pessoas com alguma experiência em programação com o intuito de rentabilizar energia eléctrica em criptomoedas, funcionando em qualquer caso que utilize um protocolo de consenso PoW (proof-of-work). #mining


Satoshi

Nome próprio do criador da Bitcoin: Satoshi Nakamoto. Nome utilizado como unidade de medida da Bitcoin. 1 Bitcoin representa 100.000.000 satoshis. #satoshi


Scam

Palavra inglesa referente a “esquema”. Destina-se a qualquer website ou projeto que apresente indícios de esquema Ponzi ou promova um produto ou serviço relacionado com criptomoedas que garanta lucros fixos. Habitualmente utilizado por hackers para roubar dinheiro aos utilizadores deste tipo de plataformas duvidosas. #scam


To the moon

Termo utilizado pelos entusiastas para se referirem ao aumento exponencial de preço que uma criptomoeda pode atingir, significando um lucro imenso. Até à lua! #tothemoon


Wallet

É uma carteira para guardar criptomoedas. O termo wallet é usado universalmente pela comunidade e tem-se tornado cada vez mais comum. É utilizado para ambos os tipos de carteira: hot wallet e cold wallet. #wallet


Whale

Nome dado aos grandes investidores com capacidade para provocar grandes oscilações no mercado, movimentando enormes quantidades de capital e aumentando brutalmente a volatilidade. Normalmente associado a milionários, grandes empresas e corporações com capacidade de investimento capaz de transacionar em larga escala. É um termo que também pode ser destinado a pessoas com grandes quantidades de criptomoedas guardadas em wallets. #whale


XBT

Sigla alternativa a BTC referente à Bitcoin. É frequentemente utilizada por algumas exchanges que se identificam mais com esta sigla. #xbt #btc



92 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo